E n v o l t u r a S

22 julho 2007

C R I A Ç Ã O
Diz-me Deus
onde coloco meus sonhos
disciplino meus carinhos
guardo minhas lágrimas?
onde descarrego minha obra
escoo minhas dores
minhas "águasmágoas"?
seriam meus poemas delitos
em que versos lamentáveis
expuseram minha alma?
quiçá seja só minha esta comoção
quiçá destina-se a estender-se entre id e ego
entre este eu dramatizado que me assola?

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home